ABN - Agência Brasil de Notícias

MENU
BUSCAR
MENU
BUSCAR

Cidade




Violência

Fiscal da Zona Azul é agredido por motorista no Centro de Manaus; veja vídeo

Motorista que o ocupou a vaga teria se recusado a pagar por uso do espaço

Por Filipe Vasconcelos, 03/08/2022 13:58

Foto: Divulgação

Um vídeo que circula em redes sociais e aplicativos de mensagem nessa quarta-feira (3) mostra uma briga entre um homem de identidade não divulgado e um fiscal da Zona Azul, o sistema de estacionamento da Prefeitura de Manaus. O caso aconteceu no Centro de Manaus, próximo do edifício garagem, o famoso “garajão”.

Segundo informações preliminares divulgadas pela direção do sistema, a briga começou por que o homem, que foi apontado como um motorista de aplicativo, teria estacionado em uma vaga marcada pela zona azul e teria se recusado a pagar pelo espaço ocupado. Os homens teriam iniciado uma discussão, que terminou nas cenas de agressão que viralizaram na rede.

Um boletim de ocorrência contra o motorista foi registrado e o caso segue em apuração. A direção do Sistema Zona Azul publicou uma nota de repúdio contra a agressão sofrida pelo colaborador.

Nota na íntegra

“A direção do Sistema Zona Azul repudia publicamente a agressão covarde sofrida por um dos monitores do sistema, cometida por um motorista de aplicativo, após ter sido notificado por permanecer estacionado irregularmente em uma das vagas demarcadas.

A direção informa que registrou boletim de ocorrência e vai representar criminalmente contra o agressor, que não queria pagar o estacionamento, conforme determina a legislação.

O Sistema ressalta que os monitores trabalham para facilitar o acesso dos motoristas ao estacionamento rotativo. Nesse sentido, a sociedade precisa respeitar o trabalho desses profissionais que estão, diariamente, trabalhando, como todo cidadão manauara e não podem ser vítimas de agressões.

O Zona Azul é um sistema que chegou para organizar e democratizar o fluxo de estacionamento de veículos no Centro de Manaus, seguindo diretrizes do Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Diante desse lamentável episódio, o consórcio esclarece que, ao estacionar em uma das vagas demarcadas pelo sistema, o condutor terá 15 minutos para buscar regularização do veículo, o que pode ser feito via aplicativo ou diretamente com os monitores. Caso não adquira tickets neste tempo, o usuário estará passível de penalidade. Cada hora de permanência nas vagas custa R$ 2,45, devendo ser observado sempre o tempo limite máximo de utilização da mesma vaga, que é de três horas”.

ABN - Agência Brasil de Notícias

© Copyright 2022 ABN - Agência Brasil de Notícias.

Nome completo

E-mail

Assine nossa newsletter e receba em seu e-mail nossas notícias em seu e-mail em tempo real.

Faça sua busca em nosso banco de notícias

Nome

Aguarde carregando...

Aguarde, carregando o sistema...

0%

Cadastre-se

Nome completo ou nome da empresa

E-mail

CPF ou CNPJ

Telefone fixo

Celular

Senha


Esqueci Minha Senha

Voltar ao login


Formulário de contato

Nome

E-mail

Telefone ou celular

Texto